Consenso por método Delphi sobre o monitoramento da autorregulação cerebrovascular em lesão cerebral traumática grave

Princípios

  • Vinte e cinco declarações consensuais abordando a fisiopatologia da autorregulação cerebrovascular (AC) comprometida e seu efeito sobre os alvos de pressão de perfusão cerebral (PPC) e o resultado obtido a partir do procedimento de Delphi.

Por que isso importa

  • Há uma falta de um padrão ouro e dados prospectivos sobre riscos de lesões cerebrais secundárias, impacto sobre o cuidado e resultados da implementação do tratamento guiado por AC no tratamento de lesões cerebrais traumáticas (LCT) graves, levando à incerteza.

  • A identificação de várias declarações consensuais abordando o tratamento guiado por AC de pacientes com LCT grave destaca a necessidade de estudos clínicos prospectivos examinando a viabilidade, segurança e eficácia desta metodologia nesta coorte específica.