Uma meta-análise avaliando a disrupção da substância branca na lesão cerebral traumática pediátrica

Princípios

  • Existe uma disrupção disseminada da organização microestrutural da substância branca (SB) associada à lesão cerebral traumática (LCT) pediátrica, que ocorre desde imediatamente após a lesão até a apresentação crônica, e as pacientes do sexo feminino podem ser mais vulneráveis do que os do sexo masculino.

Por que isso importa

    Pequenos estudos anteriores indicaram que pacientes jovens com LCT apresentam uma organização anormal da SB e que provavelmente existem correlações entre os sintomas e a desorganização da SB. Este estudo fornece evidências corroborativas em uma população maior de pacientes e sugere que abordagens de tratamento podem precisar diferir para as pacientes pediátricas com LCT do sexo feminino.