Comprometimento cognitivo em adultos com esclerose múltipla de início na infância

Princípios

  • Indivíduos com esclerose múltipla (EM) de início na infância têm maior probabilidade de apresentar comprometimento cognitivo clássico do que aqueles com EM de início no adulto, com idade ou duração da doença semelhantes. A cognição social pode ser afetada em indivíduos cuja idade de início da EM seja ≤ 15 anos.

Por que isso importa

  • Embora a maioria dos indivíduos desenvolva EM no início da fase adulta, uma minoria significativa (3 a 10%) apresenta o início da doença na infância. Surgiram várias diferenças em indivíduos com EM pediátrica versus adulta, incluindo manifestações clínicas e atividade inflamatória, mas também na cognição.

  • A cognição social, incluindo a Teoria da Mente (Theory of Mind, ToM), pode ser particularmente afetada em indivíduos com EM. Devido às fases críticas do crescimento cerebral, mielinização e maturação da rede neural que ocorrem durante a infância, é importante entender como a idade de início pode afetar a cognição na vida adulta.