Percepção de esforço como um mecanismo para fadiga pós-AVC

Princípios

  • A característica, mas não o estado da fadiga está correlacionada com a percepção do esforço e o desempenho motor em pacientes pós-AVC leve.

Por que isso importa

    Fadiga é comum, mas pouco compreendida em sobreviventes de AVC. Um modelo de atenuação sensorial da fadiga pós-AVC foi anteriormente proposto pelos autores, em que a atenuação sensorial agravada após o AVC leva a uma percepção de maior esforço e causa maior fadiga. No entanto, nos dias atuais não existe nenhuma pesquisa que avalie a alteração da percepção de esforço em sobreviventes de AVC.