Medindo a perda neural da córnea na neuropatia diabética dolorosa

Princípios

  • A microscopia confocal da córnea (MCC) pode ser útil como uma ferramenta diagnóstica na neuropatia diabética dolorosa (NDD) e mostrou que uma maior perda neural da córnea estava associada ao aumento da intensidade da dor.

Por que isso importa

  • Aproximadamente um em cada cinco adultos com diabetes tem NDD. Isso tem impacto significativo na qualidade de vida, e os tratamentos atuais apresentam eficácia limitada.

  • O diagnóstico preciso de NDD ajudará na identificação de pacientes para estudos clínicos e no desenvolvimento subsequente de tratamentos mais eficazes.