Monitorar crises de ausência com dispositivos domésticos totalmente automatizados pode se tornar realidade em breve

Princípios

  • As crises de ausência podem ser detectadas com um dispositivo vestível usando um algoritmo totalmente automatizado.

Por que isso importa

  • Atualmente, as decisões terapêuticas nas crises de ausência se baseiam em autorrelato. Uma estimativa objetiva e confiável da carga convulsiva tem alto potencial de relevância clínica.

  • O monitoramento por EEG de longo prazo em ambiente domiciliar facilita a avaliação das respostas terapêuticas e pode permitir teleconsultas, levando a um melhor atendimento ao paciente.