Recuperação neurológica de lesão medular cervical completa

Princípios

  • Pessoas que se reabilitam de uma lesão medular cervical completa de grau A podem seguir uma trajetória de recuperação “marginal”, “moderada” ou “boa”. Trajetórias boas e moderadas foram associadas à idade mais jovem, lesão localizada caudalmente e fatores relacionados ao grau basal da função motora e sensorial.

Por que isso importa

  • Até metade dos pacientes com lesão na medula cervical perdem toda a função motora e sensorial abaixo do nível da lesão, definida como grau A pela Escala de comprometimento da Associação Americana de Lesões na Coluna (American Spinal Injury Association Impairment Scale, AIS).

  • A recuperação neurológica substancial é rara, mas não é inédita em pacientes com grau A pela AIS. Foi relatada uma minoria pequena, mas significativa, em que a recuperação neurológica é mais forte do que o esperado, dada a gravidade da lesão basal. Pacientes com lesões na coluna cervical de grau A pela AIS podem ter trajetórias de recuperação muito diferentes.