Novo padrão de RM encontrado em crianças com anticorpos contra a glicoproteína de oligodendrócitos da mielina (MOG)

Pesquisadores na Argentina identificaram um novo padrão de neuroimagem em crianças com distúrbios associados à glicoproteína de oligodendrócitos da mielina (myelin oligodendrocyte glycoprotein-associated disorder, MOGAD).

Os anticorpos anti-MOG são encontrados em mais de 30% das crianças com um primeiro evento clínico desmielinizante, de acordo com a Dra. Silvia Tenembaum do National Pediatric Hospital Dr Juan P Garrahan, em Buenos Aires, na Argentina. Os achados de neuroimagem podem variar amplamente entre pacientes com MOGAD.

Para caracterizar melhor as lesões relacionadas à MOG, a Dra. Tenembaum e colegas analisaram dados de imagens de 53 crianças com MOGAD tratadas em sua instituição. O objetivo era determinar a frequência e distribuição de uma nova característica na neuroimagem, especificamente, lesões inflamatórias extensas com alterações císticas.