Variantes patogênicas no TNNC2 causam miopatia congênita, dizem os pesquisadores

Pesquisadores identificaram novas variantes genéticas que causam miopatia congênita e uma estratégia de tratamento em potencial para solucioná-la.

“A troponina C (TnC) é um regulador fundamental na contração do músculo esquelético”, declarou o Dr. Martijn van de Locht, do Centros Médicos Universitários de Amsterdã (Amsterdam UMC) em Amsterdã, Países Baixos. “Surpreendentemente, o gene que codifica a TnC do músculo esquelético rápido (TNNC2) nunca foi envolvido na doença muscular.”

No WMS 2020, o Dr. van de Locht apresentou achados de duas famílias com variantes patogênicas no TNNC2. Pacientes afetados tinham doença muscular congênita, caracterizada por fraqueza muscular, baixa contração muscular e dificuldade respiratória.

Como uso de modelos de simulação molecular, os pesquisadores revelaram que as duas variantes patogênicas, c.100G>T e c.237G>C, afetam os sítios de ligação da TnC ao cálcio e à troponina I, respectivamente. Ambas as variantes resultam em miócitos com sensibilidade significativamente reduzida ao cálcio.

A Ology Medical Education é uma fornecedora global de educação médica independente. Sua missão é fornecer aos profissionais de saúde informações médicas confiáveis de alta qualidade, com o objetivo de ajudar a otimizar o tratamento dos pacientes.

A Ology Medical Education não assume responsabilidade por quaisquer lesões e/ou danos a pessoas ou propriedade decorrentes de negligência ou de outra razão, nem por qualquer uso ou operação de quaisquer métodos, produtos, instruções ou ideias contidos neste material. Devido aos rápidos avanços nas ciências médicas, a Ology Medical Education recomenda que deva ser feita a verificação independente de diagnósticos e dosagens do medicamento. As opiniões expressas não refletem as opiniões da Ology Medical Education ou do patrocinador. A Ology Medical Education não assume responsabilidade por qualquer material contido neste documento.