O comprometimento nervoso periférico está associado a um maior risco de demência em idosos

Princípios

  • Idosos com perda da função nervosa periférica das extremidades inferiores, particularmente comprometimentos sensoriais, podem estar em maior risco de demência.

Por que isso importa

  • Os comprometimentos dos nervos periféricos das extremidades inferiores são comuns entre idosos. A função sensorial pode ser comprometida em até 50% deles. Evidências preliminares sugerem que esse comprometimento também pode ser mais prevalente em indivíduos com comprometimento cognitivo.

  • A associação entre neuropatia periférica e demência pode orientar o tratamento clínico e o controle de ambas as populações de pacientes, bem como ajudar a identificar aqueles que são suscetíveis a desfechos de saúde desfavoráveis.