Medicação anticonvulsivante no pós-operatório: melhora a chance de evitar as crises?

O uso de medicação anticonvulsivante (antiseizure medication, ASM) por pacientes no pós-operatório de uma cirurgia de epilepsia malsucedida não afeta a probabilidade de ficarem livres de crises, relataram os pesquisadores.

Na prática, alguns pacientes acabam, por fim, ficando livres de crises após uma cirurgia de epilepsia malsucedida. No entanto, ainda não foi estabelecido se o uso de ASM no pós-operatório afeta os desfechos das crises após uma cirurgia de epilepsia malsucedida.

Os pesquisadores analisaram retrospectivamente os desfechos em 215 pacientes submetidos à cirurgia de epilepsia no Centro Regional de Epilepsia da Universidade de Washington (University of Washington Regional Epilepsy Center) em Seattle, Washington, nos EUA, entre 2007 e 2017.