Relato de progresso na compreensão da proteína tau

Nova pesquisa sugere que descobertas sobre a estrutura proteica da tau podem ajudar no diagnóstico e classificação das tauopatias.

Em uma sessão plenária na AAIC [Alzheimer’s Association International Conference (Conferência Internacional da Associação de Alzheimer)] 2021, o professor Michel Goedert, do Laboratório de Biologia Molecular MRC (MRC Laboratory of Molecular Biology) em Cambridge, Reino Unido, analisou o que se conhecia sobre a estrutura da tau em estudos usando microscopia crioeletrônica.

“Quando analisadas em conjunto, as descobertas sugerem uma classificação hierárquica das tauopatias, com base em suas dobras de filamentos”, afirmou o Prof. Goedert. “Isso complementa o diagnóstico clínico e a neuropatologia e permite a identificação de novas entidades patológicas.”