Pesquisadores aproveitam nova tecnologia para identificar genes associados à DA

neurodiem-image

Foram identificados novos genes que podem estar associados à doença de Alzheimer (DA), de acordo com os pesquisadores da Universidade de Emory (Emory University), em Atlanta, Geórgia, EUA.

Para identificar os genes, os pesquisadores utilizaram uma abordagem inovadora que combinou dados de estudos de associação genômica ampla (genome-wide association studies, GWAS) e estudos proteômicos. Eles analisaram os proteomas de 376 pacientes com um amplo espectro de neurodegeneração e declínio cognitivo e integraram os resultados com os dados de um GWAS recente com mais de 450.000 participantes.

A análise focou em proteínas que estavam presentes em abundância e variantes localizadas dentro ou próximo a genes que codificam proteínas abundantes.

A Ology Medical Education é uma fornecedora global de educação médica independente. Sua missão é fornecer aos profissionais de saúde informações médicas confiáveis de alta qualidade, com o objetivo de ajudar a otimizar o tratamento dos pacientes.

A Ology Medical Education não assume responsabilidade por quaisquer lesões e/ou danos a pessoas ou propriedade decorrentes de negligência ou de outra razão, nem por qualquer uso ou operação de quaisquer métodos, produtos, instruções ou ideias contidos neste material. Devido aos rápidos avanços nas ciências médicas, a Ology Medical Education recomenda que deva ser feita a verificação independente de diagnósticos e dosagens do medicamento. As opiniões expressas não refletem as opiniões da Ology Medical Education ou do patrocinador. A Ology Medical Education não assume responsabilidade por qualquer material contido neste documento.