Morte súbita inesperada na epilepsia é mais comum em pacientes mais jovens do que relatado anteriormente

Uma grande análise de registros nos EUA demonstrou que a morte súbita inesperada na epilepsia (sudden unexpected death in epilepsy, SUDEP) é mais comum em bebês e crianças do que relatado anteriormente, e o risco é particularmente alto em pacientes negros ou multirraciais.

“Os médicos muitas vezes não discutem a SUDEP com os pais porque a consideram rara e não querem assustá-los”, declarou a Dra. Vicky Whittemore do Instituto Nacional de Distúrbios Neurológicos e AVC (National Institute of Neurological Disorders and Stroke, NINDS) em Bethesda, Maryland, EUA. “Mas é importante que médicos tratando pacientes jovens discutam o risco com os pais.”

A Ology Medical Education é uma fornecedora global de educação médica independente. Sua missão é fornecer aos profissionais de saúde informações médicas confiáveis de alta qualidade, com o objetivo de ajudar a otimizar o tratamento dos pacientes.

A Ology Medical Education não assume responsabilidade por quaisquer lesões e/ou danos a pessoas ou propriedade decorrentes de negligência ou de outra razão, nem por qualquer uso ou operação de quaisquer métodos, produtos, instruções ou ideias contidos neste material. Devido aos rápidos avanços nas ciências médicas, a Ology Medical Education recomenda que deva ser feita a verificação independente de diagnósticos e dosagens do medicamento. As opiniões expressas não refletem as opiniões da Ology Medical Education ou do patrocinador. A Ology Medical Education não assume responsabilidade por qualquer material contido neste documento.