O impacto de fatores de risco vascular e dos biomarcadores da doença de Alzheimer no declínio cognitivo

Princípios

  • Os fatores de risco vascular e os biomarcadores da doença de Alzheimer (DA) no líquido cefalorraquidiano (LCR) foram associados, de modo independente, ao declínio cognitivo e foram considerados efeitos aditivos, em vez de sinérgicos, nas trajetórias cognitivas.

Por que isso importa

    Poucos estudos examinaram se fatores de risco vascular e biomarcadores da DA agem de forma independente ou sinérgica na promoção do declínio cognitivo; compreender suas contribuições relativas ajudará na possível prevenção e tratamento da DA.