Quais são os fatores de risco para insuficiência respiratória aguda no SE?

Um grande estudo nos EUA apresentou novas percepções sobre fatores de risco significativos associados à insuficiência respiratória aguda (IRA) no estado de mal epiléptico (status epilepticus, SE).

Sabe-se que a IRA está associada a maior morbidade e mortalidade em pacientes em SE. Para apurar possíveis fatores de risco para IRA neste grupo de pacientes, pesquisadores do Centro de Ciências da Saúde da Universidade do Texas (University of Texas Health Science Center), em Houston, EUA, analisaram informações do banco de dados Nationwide Inpatient Sample (NIS) sobre pacientes internados com diagnóstico de SE em um período de 15 meses.

No total, foram identificados 78.194 pacientes (idade média de 41 anos), dos quais 17,9% desenvolveram IRA.

Uma análise de regressão multivariada revelou que fatores de risco significativos para IRA foram os seguintes (todos os valores de p < 0,001):